O dia está bom pra visitar o Inhotim


Inhotim - 311_instant

Se você está de férias, hoje é um bom dia pra visitar o Inhotim. É que toda terça-feira a entrada é gratuita. Se você não está de férias, a boa notícia é que não precisa tirar férias pra conhecer Inhotim. Em um fim de semana dá pra matar o ponto e serão os R$56,00 mais bem gastos da sua vida. Você vai se sentir tão revigorado quanto se tivesse tirado férias. E isso não tem preço.

Untitled

Inhotim empresta máquina digital para você tirar suas fotos. Inhotim empresta guarda-chuva para fugir da chuva e guarda-sol para fugir do sol. Inhotim tem visitas guiadas de graça. Inhotim tem restaurante a quilo, a la carte, omeleteria e cachorro-quente. Tem carrinho que leva você às galerias e às obras mais distantes. Tem funcionário que lê livro enquanto espera o próximo visitante. Tem biblioteca, salão de convenção, enfermaria. Tem cadeiras e ombrelones, bebedouros e bancos feito de tronco de àrvores por todos os lados. Tem grama bem cortada, floresta bem cuidada e alamedas trabalhadas. Sinalização bilíngue e uma linguagem universal.

Não dá pra explicar a maravilha que é esse lugar. Melhor então é mostrar algumas fotos pra ver se você se anima e vai lá conferir ao vivo.

Inhotim - 325

O Inhotim é o encontro perfeito da arte contemporânea com o meio ambiente. Vem comigo pra você entender do que eu tou falando.

Essas esculturas de bronze do Edgard de Souza são bem interessantes.

inhotim

Mas deste ângulo ficam ainda mais lindas.

Inhotim - 334

Agora olha pra esse conjunto assim.

IMG_6785

Quer outro exemplo? Olha só o “Narcissus Garden”.

Inhotim - 320

Essa instalação é uma das minhas obras preferidas por lá. O conceito é genial. Não tem como não se encantar com estas bolas de aço inoxidável que flutuam sobre um lago construindo um imenso espelho. Assim, ao contemplar a obra você, necessariamente, contempla a si próprio.

Inhotim - 017

Isso fica mais lindo quando você admira o conjunto das esferas flutuando sobre o lago.

Inhotim - 316

A perfeita integração da arte à natureza provoca um efeito estonteante.

Inhotim - 322

Além de tudo, essa obra tem uma historinha muito legal. Ela foi feita pela japonesa Yayoi Kusama. Falamos sobre ela nesse post aqui, da maravilhosa exposição “Obsessão infinita”. Alô galera de Brasília e São Paulo, não percam! Então, quem foi à exposição já conhece a história da Yayoi – que ela é obcecada por bolinhas, que são sua marca registrada, e que ela voluntariamente vive em um manicômio. E essa obra dela do Inhotim junta um pouco destes dois traços. Seguinte: “Narcissus Garden” foi apresentado originalmente na 33a Bienal de Veneza, em 1966. Só que a maneira que ela escolheu pra apresentar a sua obra naquela ocasião foi de forma clandestina, entre os pavilhões em um gramado. Espalhou 1.500 bolas que vendia aos passantes a US$2 cada e lançou a seguinte plaquinha: “Seu narcisismo à venda”. Desta maneira criticava a mercantilização e a repetição da obra. A travessura rendeu à Kusama 27 anos de geladeira – ela só voltou à representar o Japão na Bienal em 1993.

O casamento da arte com os jardins percorre todo o parque. É pra viajar com tanta beleza.

Inhotim - 344

Screen Shot 2014-01-26 at 9.42.33 PM

Inhotim - 346

Os fusquinhas do Jarbas Lopes com seus palíndromos fazem muito sucesso.

fusca IMG_6895

Eu tirei as clássicas e também me diverti com a minha SuperSampler.

IMG_0027

Quer fazer uma Lomo feliz? Leva ela pra passear em Inhotim.

Antes de viajar pra lá eu fui dar um check nas dicas do super Ricardo Freire. O post dele, como todos do “Viaje na Viagem” é genial. A definição que ele fez do Inhotim é perfeita: “é um parque temático de arte contemporânea. Um Universal Studios Islands of Adventure cabeça — em que as atrações não são brinquedos, mas galerias de artistas.”

É fascinante ver como as pessoas de todas as idades interagem, brincam e se divertem com as obras.

Que tal entrar em um Hélio Oiticica?

Inhotim - 327

Fotografar.

Inhotim - 328

Fotografar.

Inhotim - 329

E se divertir!

Inhotim - 028

E esse caleidoscópio gigante? Beleza multiplicada ao infinito.

Screen Shot 2014-01-26 at 9.43.21 PM

Impossível resistir à brincadeira.

IMG_6985

Difícil terminar esse post porque é tudo tão lindo e emocionante que dá vontade de não parar de compartilhar. Que bom que, como eu disse no início do post, é impossível traduzir tudo aqui até porque é proibido fotografar muitas galerias. Então prometo que é a última hoje, só porque soube que alguns amigos acabaram não indo conhecer o “Beam Drop” porque ficava mais distante.

Screen Shot 2014-01-26 at 9.39.46 PM

Se alguém me contasse que vigas jogadas em uma poça de cimento virariam essa obra tão bacana eu não ia acreditar.

Inhotim - 382

Vamos às dicas:

– Sim, vale a pena pagar um pouquinho a mais para usar o carrinho. Muitas obras são distantes e com certeza você vai conseguir aproveitar melhor seu dia.

– Um dia não é suficiente para conhecer Inhotim. Reserve, no mínimo, dois dias para você curtir com calma. Até porque ficar deitado nas árvores relaxando entre uma obra e outra é parte do programa.

– Onde ficar? Quando eu fui acabei me hospedando em Brumadinho, na Estalagem do Mirante. A vista é deslumbrante mas quando eu fui achei a pousada em si ok, mas nada demais. Na próxima vez vou ficar em BH que está a apenas 60 km. Outra boa opção será o Hotel Inhotim que está sendo construído dentro do Instituto. Aí sim!

– Se tiver fazendo calor não esqueça o biquini e o filtro solar.

Então fica combinado assim: se você ainda não foi ao Inhotim, se programe já. O programa é maravilhoso para todas as idades. E se você já foi, se programe ir novamente (meu caso!). Como eles estão sempre inaugurando novas galerias tem sempre um ótimo motivo pra voltar.

Instituto Inhotim

http://www.inhotim.org.br/

Terça a sexta-feira: 9h30 às 16h30
Sábado, domingo e feriado: 9h30 às 17h30

Ingresso:

Terça-feira (exceto feriado): entrada gratuita
Quarta e quinta-feira: R$ 20,00
Sexta, sábado, domingo e feriado: R$ 28,00 (a partir do dia 7 de fevereiro de 2014 o ingresso nas sextas, sábados, domingos ou feriados custará R$30,00).
Fechado às segundas-feiras.

Visitas Guiadas sem agendamento prévio (limite de atendimento por dia por visita: 25 pessoas).

Visita Panorâmica:

Visita com informações sobre arte e botânica, permitindo que o visitante tenha uma visão geral sobre o Inhotim.
Todos os dias de visitação | Saída da Recepção: 11h / 14h | Duração: 1h | Visita gratuita

Visita temática ambiental:

O visitante é convidado a conhecer parte da coleção botânica e refletir sobre a preservação da biodiversidade.
Sábados, domingos e feriados | Saída da Recepção: 10h30 | Saída do Tamboril: 14h30 | Duração: 1h30 | Visita gratuita

Visita temática de arte:

A visita é um convite às discussões e reflexões sobre os artistas e as obras de arte contemporânea que compõem o acervo.
Sábados, domingos e feriados | Saída da Recepção: 14h30 | Duração: 1h30 | Visita gratuita

Pousada Estalagem do Mirante

http://www.estalagemdomirante.com.br/

Se você gostou deste post leia também:

O dia está bom para viajar nas bolinhas da Yayoi Kusama, no CCBB

____________________________________________________________________________________________

Categories: América do Sul, Brasil, Brasil, Inhotim, Minas Gerais, Minas GeraisTags: , , , , , , , , , , , , , ,

3 comments

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: