O dia está bom pra visitar o Musée D’Orsay, em Paris


photo 1_instant

Ontem foi aniversário da minha mãe e hoje é o dia do meu pai.

Meu pai é meu grande companheiro de viagens deste blog. Explico: a cada post que eu publico aqui ele me manda um email com um comentário, uma impressão ou uma lembrança de alguma viagem que ele fez. E essa é a nossa maneira de viajar juntos pelo mundo. Eu adoro!

Por isso escolhi com carinho o lugar pra onde a gente viajaria juntos pra comemorar o aniversário do Comandante Soter.

Não, infelizmente eu nunca estive fisicamente junto com o papai no Musée D’Orsay.

Mas achei que este post teria tudo a ver com ele porque:

1) A primeira vez que eu fui pra Europa foi uma viagem que ele me deu de presente para Paris, quando conheci o D’Orsay (falei sobre essa viagem neste post aqui!).

2) Minha paixão por museus e por arte tem tudo a ver com meu pai. E o Musée D’Orsay é o meu museu preferido no mundo.

Vem comigo pra você entender porque, com tantos museus que eu amo no mundo, o D’Orsay atingiu este título.

Essa antiga estação de trem tem uma decoração lindeza.

Eu acho que o D’Orsay tem o tamanho ideal. Nem muito grande, nem muito pequeno.

Interieur-du-musee-d-orsay-004

Além disso, é um lugar com uma das principais coleções impressionistas do mundo. E como impressionismo é meu estilo preferido fica fácil entender por que eu gosto tanto de passar uma tarde na companhia destes grandes mestres.

Alô Tolouse-Lautrec.

tmp_6dd0ba482d5bdcba90f86b22e7c12d7b

 

Pra quem gosta de Degas tem muitas e muitas bailarinas pra você se divertir.

tmp_92bd82cd811e6cc85174f19356dc25ed

 

E o meu queridinho Vincent bomba no d’Orsay.

Eu acho a “Noite Estrelada” um quadro tão lindo… Fico horas contemplando.

tmp_1340ea98475a40e78f0fa49b0c43eced

Se você leu este post aqui vai lembrar deste quadro. Quem aproveitou a dica e foi conhecer a igreja ao vivo em Auvers-sur-Oise vai gostar de conferir o quadro.

tmp_a49d064b2843dbb4421d8a8b1c73f43b

E o bacana é ver no mesmo museu uns dos quadros do Van Gogh morando no mesmo museu do mestre que o inspirou. É o caso da “sesta”.

tmp_1a1ed4272fdd753db38639c1dfc213fc

Apaixonado pela obra de Millet, Vincent começou a retratar camponeses. Falando de camponeses e Millet, o “Angelus” é o meu quadro preferido dele. Também tá aqui.

the-angelus-1859

 

Pra completar, recomendo fortemente o almoço no restaurante do d’Orsay. Além de ser lindo de morrer tem menus do dia a menos de 20 euros. Vale muito!

4.1210260314.restaurant-at-musee-d-orsay

Pai, desejo a você um feliz aniversário. Obrigada por tudo e que a gente ainda possa fazer juntos muitas viagens (presencial ou virtualmente!). E, claro, visitar muitos museus. Te amo.

Beijos de toda a sua prole.

992937_10201343181920360_1766154827_n

Musée d’Orsay

http://www.musee-orsay.fr/

62, rue de Lille

Restaurante:

Terça – Domingo: 11h45 às 17h45

Quintas: 9h30 às 14.45 e 19h às 21h

 

Categories: Europa, França, ParisTags: , , , , , , ,

1 comment

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

w

Connecting to %s

%d bloggers like this: